Sábado , Maio 8 2021
Slider

NOVO BOLSA FAMÍLIA NÃO DEVE ATENDER TODO O PÚBLICO DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

Os beneficiários do Auxílio Emergencial estão preocupados com o próximo mês de agosto. É que esta é a data que marca o fim dos pagamentos do benefício. De acordo com o Governo Federal, essas pessoas não precisam se preocupar porque eles estão produzindo o novo Bolsa família.

Segundo informações de bastidores, membros do próprio Ministério da Cidadania estão correndo para conseguir editar o programa até o próximo mês de agosto. A correria acontece porque a ordem do Planalto é ter um programa pronto assim que o Auxílio acabar.

De acordo com o Governo, a ideia é que as pessoas que saírem do Auxílio entrem de cara no novo Bolsa Família. Isso vale para todas as pessoas, e não apenas os que são beneficiários hoje. Um empregado informal que recebe o Auxílio poderia receber o Bolsa Família se quisesse.

 

 

A grande questão é que mesmo que o Governo use o novo Bolsa Família como solução, muita gente sabe que o novo programa não vai poder abarcar todo mundo que recebe o Auxílio. E isso fica claro quando se olha para os números oficiais do próprio Ministério da Economia.

De acordo com os dados, hoje cerca de 30 milhões de informais recebem Auxílio Emergencial. No entanto, apenas uma pequena parcela deles vai entrar para o programa novo. Segundo os dados atuais, cerca de 14 milhões recebem o Bolsa Família hoje. Esse número deve aumentar apenas mais alguns milhões no novo programa.
Novo Bolsa Família

Os números do novo Bolsa Família ainda não passaram por uma divulgação oficial. No entanto, há algumas informações de bastidores que dão conta de que o novo programa vai receber uma adesão de cerca de dois a três milhões de pessoas.

Assim, dá para dizer que esse número não chega nem perto dos 30 milhões de informais que estão recebendo o Auxílio Emergencial hoje. Dessa forma, muitos desses trabalhadores não conseguirão entrar no programa. Hoje, antes mesmo do início do novo projeto, a fila para se entrar no benefício está na casa de mais de 1 milhão de pessoas.

Em entrevista recente, o Presidente Jair Bolsonaro disse que o valor médio do novo Bolsa Família vai girar em torno de R$ 250, mas isso ainda não é oficial. Hoje, a média de pagamentos do programa é de cerca de R$ 190. Então pode-se dizer que quase todos os benefícios terão um aumento de valor.

Sobre Marcos Almeida

Veja também!

RN TERÁ MAIS 114.570 DOSES DE VACINAS CONTRA A COVID-19 RECEBIDAS ENTRE SEXTA E SEGUNDA

O Rio Grande do Norte terá recebido até segunda-feira (3), mais 114.570 doses de vacinas …