Sábado , Setembro 18 2021
decora_publicidade
decora_publicidade
publicidade_reunidas-01
anuncio_baratãodoaçõ
anuncio_forno-de-barro
anuncio_reunidas

Xô mosquito

A Internacional Federation of Medical Students’ Association of Brazil (IFMSA Brazil) é uma organização não governamental, suprapartidária e sem fins lucrativos, formada por estudantes de medicina de todo o Brasil.
Atualmente, está presente em 83 faculdades de Medicina em 24 estados do Brasil, incluídos os comitês locais (LCs) UFRN e UnP. Representa nacionalmente a IFMSA, maior entidade estudantil do planeta, ligada a diversas agências mundiais como a ONU, UNICEF, OMS, UNESCO, realizando intercâmbios internacionais e nacionais entre estudantes de medicina, podendo ter ênfase em clínica, cirurgia ou pesquisa. Além disso, através de comitês permanentes, promove projetos, campanhas e eventos em saúde pública, sexualidade, humanização, direitos humanos e educação médica, inserindo seus estudantes num contexto teórico e prático de transformação global.

 

projeto-alunos-medicina
O Comitê Permanente de Saúde Pública, SCOPH, visa tornar-se referência no treinamento e pilar no aprendizado de estudantes de medicina, empoderando-os com conhecimentos, habilidades e valores para o trabalho, principalmente local, de assuntos relacionados à saúde pública, incluindo aspectos globais da saúde, políticas em saúde, prevenção de doenças e promoção e educação em saúde.
Sobre a ação: Marcos Vinícius Soares com Maria Daniela e outras 2 pessoas.
Tendo em vista o aumento da incidência de casos sintomáticos por arbovírus por todo o interior do RN, por consequência de uma precária educação em saúde , que faz perpetuar o descuido de grande parte da população em manter seus ambientes domiciliares e peridomiciliares isentos de focos para reprodução dos vetores transmissores do dengue, chikungunya e zika a International Federation of Medical Students Association of Brazil (IFMSA Brazil) acredita que é de fundamental importância que essa população seja corretamente orientada pelos agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes comunitários de endemias (ACE) sobre a eliminação dos focos nos seus domicílios e demais medidas de prevenção. Disseminando o conhecimento de que a comunidade tem papel fundamental no controle do vetor e na consequente redução de casos de arboviroses. É com esse intuito, que temos a honra de convidar a todos os ACS e ACE do município de Alexandria-RN, para comparecerem no dia 15 de julho, às 08:00 horas, à câmara municipal, onde será realizado o evento “Xô mosquito: ACS e ACE na linha de frente no combate ao Aedes”, que contará com uma capacitação sobre o combate e prevenção dos vetores, assim, sendo possível esclarecer as dúvidas dos ACS e ACE tanto sobre os meios eficazes de combate ao vetor, quanto uma melhor orientação sobre essas arboviroses, objetivando disseminar esses conhecimentos para população, possibilitando, diminuir os casos de dengue, chikungunya e zika se todos trabalharem de forma conjunta com os agentes contra os mosquitos, principalmente, o Ae. aegypti.
Tendo em vista o aumento da incidência de casos sintomáticos por arbovírus por todo o interior do RN, por consequência de uma precária educação em saúde , que faz perpetuar o descuido de grande parte da população em manter seus ambientes domiciliares e peridomiciliares isentos de focos para reprodução dos vetores transmissores do dengue, chikungunya e zika a International Federation of Medical Students Association of Brazil (IFMSA Brazil) acredita que é de fundamental importância que essa população seja corretamente orientada pelos agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes comunitários de endemias (ACE) sobre a eliminação dos focos nos seus domicílios e demais medidas de prevenção. Disseminando o conhecimento de que a comunidade tem papel fundamental no controle do vetor e na consequente redução de casos de arboviroses. É com esse intuito, que temos a honra de convidar a todos os ACS e ACE do município de Alexandria-RN, para comparecerem no dia 15 de julho, às 08:00 horas, à câmara municipal, onde será realizado o evento “Xô mosquito: ACS e ACE na linha de frente no combate ao Aedes”, que contará com uma capacitação sobre o combate e prevenção dos vetores, assim, sendo possível esclarecer as dúvidas dos ACS e ACE tanto sobre os meios eficazes de combate ao vetor, quanto uma melhor orientação sobre essas arboviroses, objetivando disseminar esses conhecimentos para população, possibilitando, diminuir os casos de dengue, chikungunya e zika se todos trabalharem de forma conjunta com os agentes contra os mosquitos, principalmente, o A. aegypti.
Marcos Vinícius Soares
A ação é uma realização conjunta dos Comitês Locais da IFMSA Brazil da UFRN e UnP, junto com a Prefeitura Municipal de Alexandria, e conta com o apoio do Centro de Imagem Elizabete Dantas (CIED), Laboratório Dr. Jânio Melo, Barriguda News, Novo Clique.

Sobre Agência Imagineers

Veja também!

IMUNIDADE DE REBANHO DEPENDE DA IMUNIZAÇÃO DE ADOLESCENTES. PNI COMEÇA CAMPANHA HOJE.

Crianças e adolescentes representam 2,5% das internações e 0,34% das mortes no país hoje. Após …